Grupo Cidade
Secretaria da Saúde recomenda medidas para 170 municípios cearenses com alto risco da Covid-19

Entre as medidas, estão o fechamento de espaços públicos, o cancelamento de eventos sociais e a fiscalização para o cumprimento dos decretos estadual e municipal

Foto: Divulgação

Por meio de um ofício, emitido nesta quinta-feira, 25, a Secretaria de Saúde (Sesa) recomenda que 170 dos 184 municípios, todos considerados com risco “alto” e “altíssimo” em relação ao novo coronavírus, sigam uma série de recomendações especiais e restrições. 

Os únicos municípios que não entregam a lista são Antonina do Norte, Aurora, Assaré, Caririaçu, Farias Brito, Icó, Jucás, Lavras da Mangabeira, Mauriti, Quixelô, Saboeiro, Santana do Cariri, Tarrafas e Umari.

Entre as medidas, estão o fechamento de espaços públicos, o cancelamento de eventos sociais e a fiscalização para o cumprimento dos decretos estadual e municipal. Confira:

- Adaptar protocolos de rastreamento de contatos e monitoramento de casos suspeitos;

- Dimensionar equipamentos de saúde e estoque de medicamentos e insumos, adaptando a capacidade de resposta à possível demanda por cuidados hospitalares (kit de intubação, anestésicos, estoque O2);

- Adaptar ações para diminuir contatos na sociedade, como fechamento de espaços públicos, serviços não essenciais e comunicar a necessidade de evitar aglomerações;

- Editar decretos e orientar a população a adotar comportamentos que diminuam o contágio, como o uso de máscaras e outras medidas profiláticas;

- Instalar barreiras sanitárias;

- Cancelamento de eventos sociais;

- Promover a fiscalização para o cumprimento do Decreto Estadual e Municipal.

Coronavírus no Ceará

Na manhã desta quinta-feira, 25, 170 dos 184 municípios cearenses estavam com risco alto ou altíssimo do novo coronavírus, segundo o Painel Níveis de Alerta, do IntegraSUS, da Secretaria de Saúde. Nenhum estava com risco baixo, que seria classificado como o “novo normal”. 

Entre os municípios com nível altíssimo, estão a Capital, Caucaia, Eusébio, Aquiraz, Barbalha, Juazeiro do Norte e Beberibe. 

Também nesta quinta-feira, a taxa de ocupação das Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) do Ceará estava em 90,19%. Os números vêm chamando atenção por serem os maiores desde julho de 2020. 13 hospitais do Estado já estavam com 100% dos leitos lotados. O Hospital Leonardo da Vinci, exclusivo para pacientes de coronavírus, só possuía seis dos 129 leitos de UTI disponíveis. 

Fortaleza acumula 418.072 casos confirmados de Covid-19, além de 11.143 óbitos registrados pela doença. Em Fortaleza, são 116.731 confirmações.

 

COMENTÁRIOS