Paulo Rodrigo Pianista em nova fase na carreira e na vida

Paulo Rodrigo é pianista e empresário do ramo de eventos com sua Clave D'Som, empresa de sonorização, iluminação, aluguel de pianos e sistema de som para Lives. Sempre muito dinâmico, o músico aproveitou a quarentena para fazer a diferença com seu trabalho e se reinventou. Afinal, o setor de eventos foi um dos mais prejudicados com as medidas de segurança contra o novo coronavírus. Foi então que Paulo Rodrigo criou alternativas que se transformaram em experiências inesquecíveis em sua vida e carreira. E mais do que isso, utilizou o seu talento, a música, para levar esperança e motivação a outras pessoas.

Confira abaixo, no bate-papo com o Frisson News, nesse momento em que o setor de eventos se prepara para sua retomada, como tudo aconteceu, seus planos e anseios para essa nova fase profissional. 

Com a pandemia do novo coronavírus e as medidas contra o avanço da contaminação, o setor de eventos ficou parado por quase seis meses. Como foi todo esse tempo para suas empresas?

No início foi impactante, mas como empresário tive que me manter firme e disposto a encarar toda essa situação. Tomamos uma rápida decisão em comunicar positivamente à nossa equipe, clientes e fornecedores que deveríamos seguir as orientações da OMS para preservar a saúde de todos. Mais não fiquei parado. Enquanto isso, investi no marketing digital, inovações em sistema de streaming de áudio para transmissões online, que vale ressaltar a nossa primeira cliente foi a queridíssima cantora Giovana Bezerra.

E pessoalmente, como foi passar por toda essa quarentena? 

Em família. Posso dizer que nos unimos mais ainda, aproveitando ao máximo com meus filhos (Rodrigo Barros, 14 anos. e Davi Barros, 3 anos) e minha esposa (Juliana Barros). Por sinal, ela foi quem mais me motivou. Juntos, demos uma alavancada na Clave d’som e Pianista.

No próximo dia 14, vai ser liberado o retorno dos eventos para até 100 pessoas. Como está se preparando com a Clave D’Som para essa retomada?

Posso dizer que estamos bem preparados e adaptados de forma segura com todas as recomendações, disponibilização de máscaras e luvas para a equipe durante a prestação dos serviços, assegurando o uso dos EPIs determinados pelas demais normas legais.

Depois da fase crítica da pandemia aqui no Ceará, você, assim como alguns profissionais de eventos, teve que se reinventar e conseguiu fazer alguns trabalhos como pianista no formato on-line e depois em eventos familiares. Conta como foi toda essa experiência.

Nesse período tive mais tempo para me dedicar à música, voltei a movimentar meu canal do YouTube (http://www.youtube.com/c/PauloRodrigopianista), interagi com meus clientes através de Lives, realizando pedidos de músicas, fazendo homenagens, tudo pela internet e, mesmo de longe, podia sentir a emoção das pessoas. Tudo isso me deu ainda mais motivos para querer levar motivação através da música. 

Além disso, você também investiu em novidades, como o piano azul. Esse investimento já estava previsto ou foi mais uma reinvenção da sua marca?

Já estava em nossos planos um piano diferenciado, mas, com a pandemia e a necessidade de se reinventar, percebemos que seria o momento certo para a realização desse projeto.

Um dos grandes momentos para a sua carreira de músico foi a gravação de um clipe em um palco dentro do Rio Pacoti. De onde surgiu essa ideia e como foi vivenciar esse momento?

Então, esse foi o propósito de Deus! Com a chegada do Blue Piano, eu e a minha esposa sentimos a necessidade de propagar todo esse sentimento. E em meio a todas as dificuldades, tinha que ser através dele que iriamos passar essa força, motivação, superação e falar, através da música, que podemos nos superar e transpor nossa melhor versão. A música escolhida foi a "Fix you", da banda Coldplay, que fala sobre o poder da música.

No próximo dia 26 já está confirmada a sua participação no evento Marina Al Mare com o slogan “Do Rio para o Mar”, onde agora o palco será no mar no Marina Park. Pode adiantar algo sobre a sua participação no evento?

Logo após o lançamento do meu clipe gravado no Rio Pacoti , recebi o convite para participar desse evento. Fiquei muito feliz em poder replicar meu clipe nesse show por ser um palco flutuante no mar. Minha apresentação vai se iniciar no fim de tarde fazendo um sincronismo perfeito entre a música e o pôr do sol. Além disso, farei uma participação com a cantora Solange Almeida. Vai ser lindo! 

Resumindo, diz como o Paulo Rodrigo e suas empresas estão saindo desse período de desafios e dificuldades advindos do isolamento social. 

Não foi fácil! Mas cada depoimento que eu recebia nos trabalhos desse período, servia-me como combustível para hoje e sempre. Sou grato!

De que forma a sua esposa Juliana Barros age atualmente em sua carreira: com a mesma intensidade e importância?

Ela sempre fez parte de tudo. É muito reservada, mas toda a parte interna da empresa,como marketing, administrativo, financeiro e produção é com ela. Ela é a minha Creative Mind (mente criativa).

O cenário musical cearense em 2020 foi paralisado com a pandemia. Como avalia que será daqui para frente?

Acredito que irá voltar aos poucos, mais tenho certeza que 2021 será bem movimentado de eventos, pois tivemos que remanejar nossos clientes para próximo ano.


Fotos: Divulgação

Quais os projetos do Paulo Rodrigo Pianista e da Clave D’som para os próximos meses? 

Na Clave D’som estamos nos reciclando com a ajuda de um Coach Integral Sistêmico, que tem o intuito de melhorar ainda mais o nosso serviço personalizado e atender
as necessidades de cada cliente para que cada evento seja único. Como pianista, estou preparando um novo clipe com uma composição própria que irá simbolizar o Recomeço. Muitos de nós perdemos entes queridos, outros seus empregos ... Agora, vamos unir forças e Recomeçar . 

Em sua opinião, o que mudou em sua carreira, no Ceará, no Brasil e no mundo de 2015 para cá?

O meu forte sempre foi o social, casamentos, fazer receptivos. Hoje, além disso, estou com vários formatos de shows, nos quais levo uma música de diversos estilos com uma alta performance musical. Tenho hoje uma banda formada pelos melhores músicos do Brasil. Estou com uma agenda bem diversificada desde um receptivo com os clássicos: Franklin Sinatra, Barry White, até um piano e Dj, como será o caso de um show que farei próximo ano em um dos mais badalados Rooftops da Avenida Paulista, o Tetto Lounge. 

Quais sonhos ainda deseja realizar na vida profissional e pessoal?

Eu estou sempre sonhando e em movimento, mas uma grande realização na vida pessoal e profissional seria tocar no Vaticano numa missa celebrada pelo Papa.

COMENTÁRIOS